Estudo revela que cannabis ajuda no tratamento contra câncer de mama

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
(Créditos da imagem: Pexels/Anna Shvets)

Curadoria Sechat, com informações de Yahoo! Finanças

A empresa israelense de biotecnologia Cannabotech relatou na última segunda-feira (20) os resultados de um estudo de modelo celular conduzido por médicos do Hadassah Medical Center, em Jerusalém, examinando a eficácia dos produtos CannaboBreast, destinados ao tratamento do câncer de mama, com protocolos de drogas: quimioterapia, biológica e hormonal, de acordo com o jornal The Jerusalem Post.

As descobertas afirmam que os produtos apresentam uma melhora substancial na eliminação de células cancerosas em relação ao tratamento existente atualmente, segundo o jornal The Jerusalem Post. A empresa israelense Cannabotech desenvolve produtos médicos à base de cannabis e alguns outros extratos fúngicos. 

>>> Participe do grupo do Sechat no WHATSAPP e receba primeiro as notícias

Canabinoides podem matar até seis vezes mais células cancerosas

De acordo com os resultados do estudo, a composição de canabinoides em combinação com a quimioterapia padrão melhorou a eficácia de matar células cancerosas em até seis vezes em comparação com o tratamento existente, que vai de 10% de mortalidade até a 60% de mortalidade de células cancerosas.

>>> Participe do grupo do Sechat no TELEGRAM e receba primeiro as notícias

O experimento mostrou que, além da capacidade de aumentar a eficácia dos tratamentos existentes, pode ser possível aumentar a eficácia de matar células do câncer de mama, reduzindo significativamente as doses de quimioterapia, que também deve reduzir drasticamente os efeitos colaterais e fornecer cura para mais pacientes que atualmente não podem se submeter ao tratamento convencional devido aos efeitos colaterais.

Em entrevista ao The Jerusalem Post, a professora Tami Peretz, que participou da pesquisa, acrescentou: “Com base nesses experimentos, há espaço para começar a explorar a possibilidade de integração dos produtos também no tratamento de pacientes com câncer de mama”. O tratamento com cannabis medicinal está previsto para ser comercializado no segundo semestre de 2022.

>>> Inscreva-se em nossa NEWSLETTER e receba a informação confiável do Sechat sobre Cannabis Medicinal

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese