Canadense fornecerá CBD para o primeiro produto de Cannabis medicinal aprovado no Brasil

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A canadense Brains Bioceutical Corp, anunciou a conquista que chamou de “histórica” ao trazer para o Brasil o primeiro produto registrado de Cannabis medicinal do país sob os novos regulamentos que a Anvisa, a API Brains EU-GMP CBD.

Em nota enviada à imprensa, Rick Brar, presidente e CEO da Brains Bioceutical Corp., afirmou estar orgulhoso do momento histórico. “Agora, registramos o produto CBD no epicentro do continente europeu, no Reino Unido, e fornecemos o material CBD ao nosso parceiro sul-americano”, afirmou o CEO.

O parceiro sul-americano que a empresa se refere é a Prati Donaduzzi. De acordo com dados da canadense, a Prati produz aproximadamente 11,5 bilhões de doses terapêuticas por ano e possui mais de 4.200 funcionários, além de possuir um dos maiores portfólios de medicamentos genéricos do Brasil.

Desde o recente anúncio em dezembro de 2019, este é o primeiro produto registrado de cannabis na categoria especial criada pela Anvisa.

“Poderemos exportar do Reino Unido para o nosso parceiro no Brasil para formular seus produtos a serem vendidos em farmácias e distribuidores no país e potencialmente expandir isso para o resto da América do Su là medida que o mercado se expande”, diz também a nota.

Atualmente, de acordo com a empresa, a Brains tem a aprovação da Agência Reguladora de Medicamentos e Produtos de Assistência Médica (MHRA) para fabricar um ingrediente de grau farmacêutico (API) aprovado para a indústria farmacêutica global, tendo enviado mais de 100 quilos de produto para o Brasil no ano passado.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

ASSINE NOSSA NEWSLETTER PARA RECEBER AS NOVIDADES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER
pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese